SCM Music Player - seamless music for your Website, Wordpress, Tumblr, Blogger.
Quarta-feira, 20 de Outubro de 2010

Olá :) Espero que o último capítulo tenha sido do vosso agrado. Acreditem que para mim, foi muito agradável ler os vossos comentários. Quero dedicar o vigésimo primeiro capítulo à adorável ~mia, à qual prometo que no final da Fic irei fazer uma colectânea de comentários dela. A partir deste capítulo, a dedicatória vai passar a ser para a primeira pessoa que comentar (a não ser que seja sempre a mesma).

 

Um enorme beijinho, ~ c.cullen.

 

Jacob Black:

 

-"Jacob, por favor, acalma-te, por favor..." - Nessie abraçou-me, fortemente, apesar das minhas tentativas de afastamento.

 

-"Eu estou calmo, Nessie, pára de soluçar, larga-me amor." - ergui-me e sentei-me na areia, colocando as mãos a cobrir o rosto. Ela puxava-me as enormes mãos, numa tentativa de me ver a cara, as expressões. Como viu que não conseguia, passou os lábios levemente pelo meu braço direito. Pelo meu pescoço. Pela minha orelha, mordendo-a levemente. Eu estremeci ao sentir os seus dentes na minha pele quente. O toque dela acalmava-me os nervos, apagava o fogo que teimava em arder dentro de mim.

 

-"Eu amo-te Jacob Black, olha para mim, por favor. Eu peço-te, eu imploro-te." - ela recomeçou a chorar, ao ver a minha falta de reacção. Mas eu não conseguia reagir, não me sentia plenamente capaz para tal. Tinha medo de a magoar, apesar de a querer reconfortar. Não sei ao certo o que me deu para me levantar repentinamente e entrar no extenso oceano. Só olhei de relance para ela, para os seus olhos inchados, antes desta se dirigir para dentro da casa de praia. Não a segui. Mergulhei profundamente, vezes e vezes sem conta. Durante várias horas. Quando deixei o meu pensamento lógico invadir-me, a àgua que me rodeava ficou subitamente gelada. Como é que eu posso ser tão parvo? Como é que eu neguei o meu amor à mulher que eu amo? Ela, mais do que nunca, precisava do meu apoio, do meu carinho. Revolto-me contra eu próprio. Lobo infantil. Ela ama-te. Sempre te amou. O Nahuel é da mesma espécie do que ela, é mais do que natural que ela tivesse sentido curiosidade para travar conhecimentos e experiências de vida com ele. Ela não tinha culpa que ele a tivesse maltratado. Decido emergir, e dou de caras com a mulher mais linda do mundo a correr pelo extenso areal e a entrar na àgua quente do oceano. Ela ficava absolutamente linda banhada pela luz da imensa Lua que reluzia no céu.

 

-"Jake, voltaste meu anjo!" - ela gritava, enquanto rodeava o meu pescoço com os seus braços. Eu continuava a olhar para os seus olhos, que pareciam estar a irradiar luz própria, tamanha a felicidade que ela estava a demonstrar-me. Foi então que olhei para toda a sua pele. Branca, brilhante, pálida, os seus cabelos molhados e escuros a emoldurar-lhe o rosto. Estendo a minha mão em direcção ao rosto perfeito dela e observo que a palidez dela é compatível à minha. A lua tornava-nos semelhantes, numa combinação perfeita. Nós os dois seremos sempre um só. Eu vou sempre amá-la. Inalei profundamente o doce cheiro do cabelo dela.

 

-"É claro que eu voltaria amor. Eu voltarei sempre por ti. Tu sabes bem disso." - abanei ligeiramente a pulseira de compromisso que lhe tinha oferecido no primeiro Natal que passamos juntos.

 

-"Eu tive tanto medo que tivesses chatiado para mim...Eu não tive culpa do que aconteceu Jake. Ele descontrolou-se e eu fugi e depois..." - interrompi-lhe o discurso, colocando o meu dedo indicador por cima dos seus lábios.

 

-"Eu não estou chatiado para ti, nunca o estive. Eu só me afastei bruscamente de ti para não te ferir. Tu sabes que eu tenho um temperamento impulsivo. Todos os lobos o têm. Basta olhares para o caso Sam e Emily. Um simples descuido. Uma marca para toda a vida, mesmo na cara dela. O Sam nunca se perdoou. Eu não te quero fazer o mesmo amor." - beijei-lhe ao de leve na testa, como um sinal de protecção.

 

-"Eu não sei o que fiz para te merecer tanto Jacob Black." - colocou os seus lábios encostados aos meus. Pude sentir a sua respiração ofegante, desejosa.

 

-"Já te disse que o meu amor por ti é incondicional?" - murmurei-lhe, junto aos seus lábios.

 

-"Já te disse que a minha imortalidade pertence-te?"

 

Beijei-a, com sofreguidão. O corpo dela era a minha droga preferida. Ergui-a da àgua e coloquei-a sobre a protecção dos meus braços, transportando-nos para fora da mesma e encaminhando-nos para o enorme quarto branco. Ela riu-se ao sentir as minhas mãos tremer enquanto lhe tirava o vestido leve azul que ela trazia vestido. Deitei-me sobre ela, sustentando o meu peso nos braços. Ela voltou-se a rir.

 

-"Porque te ris tanto?" - perguntei, no meio de mais um longo e ternurento beijo.

 

-"Amor, eu fiz-te uma supresa, mas no quarto azul. Mas contigo a tentar-me desta maneira, eu não consigo resistir meu lobo." - ela lançou-me um sorrisinho compremetedor.

 

-"Bem, vamos lá então ver isso. Na tua mente só existem ideias deveras inovadoras." - beijou-me a mão, quando a enlacei na sua. Caminhamos silenciosamente até ao quarto e ela abriu a porta.

 

Fiquei perplexo. Dezenas de velas perfumadas, de canela, morango e pêssego emanavam no ar. Ao lado da cama, numa mesinha branca, encontravam-se diversos frascos e um pequeno rádio, de onde saíam instrumentais de violino perfeitos.

 

-"Gostas?" - perguntou-me, num tom abafado e tímido.

 

-"Se gosto meu anjo? Eu amo amor." - enlacei-a pela cintura, beijando-lhe ternuramente o pescoço.

 

-"Deita-te ali, de costas, por favor." - pediu-me ela, num tom de voz mais confiante. Obedeci, sem pestanejar, enquanto a ouvia a mexer na roupa. Notei que o soutien dela caiu ao meu lado, juntamente com os shorts. Ela pegou num óleo de canela e passou delicadamente as suas mãos pelas minhas costas, proporcionando-me uma onda de prazer. Ela apercebeu-se disso e passou a contornar com as mãos os meus largos ombros. Subiu para cima de mim, nua, e inclinou os seus peitos de encontro às minhas costas, esfregando-os delicadamente nas minhas costas e espalhando mais o óleo...

 

Seth Clearwater:

 

-"Tanya?"



publicado por Isabela às 16:01 | link do post | comentar | favorito

17 comentários:
De Filippa a 20 de Outubro de 2010 às 17:09
Uma palavra apenas: Adorei :D
A Nessie e o Jacob são tão fofinhos *.*
Mas acabei de ler o capitulo em choque .. A Tanya? Não estava mesmo à espera xD
Beijinhos *


De Kath a 20 de Outubro de 2010 às 17:16
O-M-G!!! Adorei!!! E...
Tou em choque....
Acho que não vou recuperar tão cedo xD
A Tanya??
Sem palavras! =D
Bj*


De savannah w. a 20 de Outubro de 2010 às 18:48
eu assustei-me quando vi que o capitulo acabava assim com o meu nome xDDD
mas bom , já disse que adoro tudo o que escreves ? (A)
a foto é mesmo cutchie *w*
amo-te superwoman ♥


De Blowers Daughter a 20 de Outubro de 2010 às 18:55
OLAAAA
Consegui vir aqui hihi :bb
Capítulo maravilhoso *


De Minie_Alice a 20 de Outubro de 2010 às 19:17
A Nessie e o Jake estam tão fofinhos!!!!!!!!!!
Mas tenho de dizer apanhaste-me de surpresa no fim, a Tania???

Beijocas, Minie_Alice


De soniiinhaaa :D a 20 de Outubro de 2010 às 19:31
Amei, foi tao romantico minha querida :)
Bjinhos


De marianne goulart a 20 de Outubro de 2010 às 19:58
não acredito que me dedicaste outro capítulo.
como se eu merecesse que me fizesses isso !
tu, meu anjo lindoo, escreves extremamente bem e já não preciso de dizê-lo porque está aqui estampado neste capítulo fenomenástico como diria a Drica.
tu nun, JAMAIS deixes de escrever.
acho que não sobreviveria.
muitos beijos,

~ mia


De Drica a 20 de Outubro de 2010 às 21:13
Oh que fofinhos...
O amor vence qualquer chatice não é verdade...
E lá vai mais um momento de puro amor... ai ...
XD
A tanya o que ela faz perto do Seth?
Ai ai...
Posta rápido quero..saber o que o Seth ou a Tanya anda a aprontar...
Beijos minha querida :)


De Margarida a 20 de Outubro de 2010 às 21:20
:O A Tanya é o imprintig do Seth?!?!? nem sei que diga!! Apenas estou ansiosa por MAIIIIIS!! :)


De "ⒸⒶⓉ.00" a 20 de Outubro de 2010 às 23:28
Tipo tou em choque ___Tanya?___
Tipo fiquei mesmo a olhar para ali .....

Mas acima de tudo amei o capitulo

Fico a espera de mais Bjos


Comentar post

Catheline, fanfiction.
♥ apresentação
Uma Fic, entre tantas outras; uma história de amor, acção, amizade e ódio; Uma fã de saga Twilight a escrever a sua continuação de Breaking Down. Espero que gostem, sejam bem-vindos, Catheline.
posts recentes

Esta semana preparem-se.....

Um simples pedido de desc...

Capitulo 29: Paris (Parte...

Capítulo 28: A ilha

Capítulo 27: Planos

Capitulo 26: Coração (Con...

Capítulo 26: Coração

Capítulo 25: És a minha v...

Capítulo 24: Corações pal...

Capítulo 23: Alec Volturi

Olá caros leitores...

Capítulo 22: Sangue Derra...

Capítulo 21: A escolhida ...

Capítulo 20 - Imprinting

19º Capítulo - Sentença

18º Capítulo - Musica, da...

17º Capítulo - Somos idên...

16º Capítulo - Observados...

15º Capítulo - Sou louco ...

14º Capítulo - Não Emmett...

arquivos

Junho 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

links