Terça-feira, 17 de Agosto de 2010

Olá. Já repararam que na barra lateral tenho um link, intitulado de Leitores? A partir de hoje, sempre que postar um capítulo, as pessoas da lista serão avisadas com um comentário, mas, se não o retribuírem, serão riscadas da mesma. Se quiserem pertencer à lista de leitores, basta dizerem-me isso num comentário e passarão a fazer parte dela.

A conselho da bloguista Piolhinha, a partir de hoje, todos os capítulos têm um nome, como podem reparar. Obrigada pelo conselho querida.

 

Edward Cullen:

 

-"Emmett, Paul, parem com isso! Vocês agora já não são inimigos. Tréguas, lembram-se? Comportem-se!"

 

-"Foi o cão que começou." - cuspiu o meu mano preferido, com um certo ressentimento na voz - "Não estava a fazer nada de mal, pois não? Cão."

 

Ouvi Paul rosnar a Emmett. Caramba, eu estava a ler os pensamentos de Paul e via-se perfeitamente que ele odiava Emmett. E ao ler os de Emmett e Rosalie, via perfeitamente que eles lhe retribuíam o sentimento. Caramba, já era hora destes dois resolverem os seus problemas e darem-se minimamente melhor. Santo deus.

 

-"Para de lhe chamar cão Emmett, ele têm nome." - disse a minha mulher, pronta a defender os seus amigos de La Push. -"Caramba, Paul, precisavas de o derrubar daquela maneira? Comportem-se, como dois adultos."

 

-"Tu nem imaginas o susto que nos pregaste, Paul." - disse Rosalie, num tom irritado -"Voltas a repetir a graçinha e voltas para La Push a coxear, percebeste?"

 

-"Paul está a mandar-te dizer que não têm medo de loiras burras como tu Rose." - disse-lhe eu, ao ler os pensamentos de Paul, não contendo um breve riso.

 

De repente, vejo que Paul fica bastante tenso ao meu lado e tenta fugir, mas eu e Bella não deixamos. Ao começar-lhe a ler os pensamentos, percebo que ele está a tentar-me esconder algo, mas ele pensa tanto em ocultar-me, que acaba por mo revelar. Jacob. Renesmee. Beijo.

 

-"Jacob!" - rugi eu, fortemente.

 

-"Amor, amor, o que se passa? Está tudo bem com Jacob? Com Nessie? Responde-me Edward, responde-me!"

 

-"Não sei se para aquele lobo vai ficar tudo bem, assim que eu lhe puser a mão naquele pêlo..." - comecei a tremer, tamanha a raiva que tinha.

 

-"Edward, o que aconteceu?" - Bella agarrava a minha mão com força, impedindo que eu corresse pela floresta fora, ao encontro daquele monte de músculos, que passariam a carne picada em segundos.

 

-"Ele estava a pensar demasiado na nossa Renesmee, e Paul viu o amoroso momento que eles estavam a ter, e eu li esse pensamento obscuro..."

 

-"Ah, já percebi Sr. Cullen. Tu sabias que isto ía acontecer, amor. Eles estão destinados Edward, e eu prefiro que ela fique com ele, o meu melhor amigo, do que com outra pessoa que não a possa proteger." - disse-me ela, num tom compreensivo, mas que não me acalmou em nada.

 

-"Preciso de me acalmar. Casa do campo, vamos."- voltei a proferir as palavras entre dentes e, rapidamente, peguei em Bella e desatamos a correr furiosamente pela floresta adentro.

 

Assim que chegamos à porta de casa, abria-a com um estrondo e dirigi-me ao piano. Comecei de imediato a tocar a mais horripilante melodia que conheço, de forma violenta.

 

 

Nem Bella ousava tocar-me naquele momento, apenas limitava-se a ouvir certas palavras como "três patas", "pêlo sangrento" e "cão reformado", entre outras que eu ía dizendo, tamanha a raiva que sentia. Maldito Jacob, que ousava tocar na minha menina.

 

(p.s: quando chegarem à parte em que Edward toca ao piano, desliguem a musica da barra lateral e ouçam a do post. Obrigada).

 

 



publicado por Isabela às 15:20 | link do post | comentar | favorito

28 comentários:
De ♥ Sandrokas a 19 de Agosto de 2010 às 02:09
Linda se eu n retribuir logo o comentário é porque tive sem vir ao pc x.x

Beijinho*


De Anónimo a 19 de Agosto de 2010 às 10:38
olá! Gosto da tua fic escreves muito bem! Vais pôr na fic momentos jasper/alice? bjs


De Isabela a 19 de Agosto de 2010 às 19:57
Sim Anónimo, em breve vou pôr momentos Alice/Jasper bem lindos :)


De marianne goulart a 19 de Agosto de 2010 às 10:38
Quando ele disse casa de campo pensei que iam fazer coisas menos proprias.
Acho que o Edward nao devia ser tao duro para com o Jacob.
Mais uma vez, capitulo magnifico.
Beijos,

~ mia


De Drica a 31 de Agosto de 2010 às 01:47
Meu deus...
Morri
Coitado do Jake...
Acho melhor ele fugir...
Aquela musica... nossa :/
E quero fazer parte da tua lista... se não te importares...


De Bianca a 31 de Agosto de 2010 às 21:20
oWOooo, tens muito jeito para isto, estou a amar a história.Hoje tenho de deixar por aqui as leituras mas quero ver se apanho o capitulo 11 depressa.Parabéns pela história!!


Comentar post

Catheline, fanfiction.
♥ apresentação
Uma Fic, entre tantas outras; uma história de amor, acção, amizade e ódio; Uma fã de saga Twilight a escrever a sua continuação de Breaking Down. Espero que gostem, sejam bem-vindos, Catheline.
posts recentes

Esta semana preparem-se.....

Um simples pedido de desc...

Capitulo 29: Paris (Parte...

Capítulo 28: A ilha

Capítulo 27: Planos

Capitulo 26: Coração (Con...

Capítulo 26: Coração

Capítulo 25: És a minha v...

Capítulo 24: Corações pal...

Capítulo 23: Alec Volturi

Olá caros leitores...

Capítulo 22: Sangue Derra...

Capítulo 21: A escolhida ...

Capítulo 20 - Imprinting

19º Capítulo - Sentença

18º Capítulo - Musica, da...

17º Capítulo - Somos idên...

16º Capítulo - Observados...

15º Capítulo - Sou louco ...

14º Capítulo - Não Emmett...

arquivos

Junho 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

links